Com ótimo segundo tempo, Flamengo fatura o pentacampeonato com facilidade.

11/06/2016

O Flamengo faturou nesse sábado o pentacampeonato nacional ao atropelar o Bauru por 100 a 66 na Arena Carioca 2. Para fechar a série em 3 a 2, os mandantes contaram com excelente aproveitamento nas bolas de três pontos, fundamento que Bauru apresentava maior dominância. Hoje a equipe de Neto converteu 13 bolas do perímetro contra apenas 5 de Bauru.

 

Marcelinho terminou a decisão como cestinha, com 26 pontos, sendo 18 deles em bolas de fora. Olivinha e JP não ficaram muito atrás ao guardarem 22 e 20 pontos, respectivamente.

 

Do lado bauruense, Paulinho foi o cestinha com 14 pontos, enquanto que Hettsheimeir se aproximou do duplo duplo, ao anotar 8 pontos e capturar 10 rebotes.

 

Dos 100 pontos do rubronegro, 61 vieram na segunda etapa da partida. A alta pontuação foi quase a mesma que Bauru alcançou na partida toda (66 pontos).

 

 

O JOGO

 

 

Empurrado por sua torcida o Flamengo abriu 5 a 0, após bola certeira de Marquinhos, seguida de enterrada de Meyinsse. O Bauru foi entrando no jogo, e com cinco pontos consecutivos de Paulinho, tomou a dianteira, 8 a 7.

 

Aí entrou em cena o jogo interno do Flamengo, que conseguiu utilizar o high low com seus pivôs, e assim abriu 13 a 8.

 

O jogo seguiu equilibrado, mas os mandantes fecharam o quarto em vantagem após melhor aproveitamento no lance livre, e bola de Ramon, da zona morta, 21 a 17.

 

No segundo quarto a bola de Alex Garcia deu a falsa impressão de que Bauru encostaria no marcador. O rubronegro encontrou espaços no garrafão bauruense, que sentiu a ausência de Hettsheimeir, que naquele momento tinha duas faltas.

 

Dessa forma o Flamengo abriu sua maior vantagem até então, 30 a 20. Bauru respondeu com Alex e Jefferson, mas os mandantes foram superiores e foram para o intervalo vencendo por 39 a 32.

 

A partida que vinha sendo equilibrada até então, tomou outros rumos. Bauru até chegou a encostar no marcador, 39 a 35, mas depois os mandantes anotaram 11 pontos consecutivos, sendo 9 deles em bolas do perímetro, e abriu 50 a 35.

 

Em sua primeira temporada, Rafa Luz conquista o NBB. / Andre Durão

 

Depois da primeira metade de muita superioridade, Bauru que tinha anotado apenas 3 pontos na parcial, conseguiu trabalhar melhor a bola coma entrada de Leo Meindl, mas seguia inoperante na defesa, permitindo arremessos livres do adversário.

 

O Flamengo se aproveitou, deu tempo de quadra a inúmero atletas da rotação, que não deixaram o nível cair, para dominar os rebotes e pontuar, chegando ao placar centanário com tranquilidade. 

Please reload

Postagens Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags