Bauru tem suas primeiras definições, Franca e Cearense beliscam mais um reforço, e Mogi fecha o elenco.

27/06/2017

  O começo da semana foi bem agitado nos bastidores do basquete. Depois de um final de semana tranquilo, com exceção do Basquete Cearense que havia chegado a um acordo com três jogadores, o mercado voltou a se movimentar, com desenhos interessantes.

 

 Quem mais se movimentou, ou ao menos, anunciou algumas definições que estavam praticamente certas, foi o Bauru. Na condição de atual campeão nacional, o Dragão anunciou a chegada do armador Kendall Anthony e a renovação do pivô Shilton.

 

  Donos de estilos distintos, os jogadores podem agregar e muito no sistema de Demétrius. O camisa 6, que passou boa parte da temporada questionado, até em função da representatividade de Hettsheimeir, é quem tem a missão mais tranquila. Ciente da sua importância no novo formato de jogo bauruense, Shilton revelou que a manutenção do trabalho será fundamental para voos maiores: "Espero que possamos dar continuidade ao trabalho com ainda mais sucesso e mais alegria para a torcida bauruense."

 

 Decisivo nos playoffs, Shilton quer manter o garrafão bauruense blindado (FotoJump/LNB).

 

  Já Anthony, chega em Bauru, naquele que se desenha o maior desafio de sua carreira. Depois de uma temporada brilhante pelo Macaé, onde terminou como cestinha do NBB9, o americano terá de se enquadrar na realidade do Dragão, bem mais audaciosa do que a vivida por ele no litoral fluminense. Sua facilidade em dosar individualismo e coletividade será a chave necessária, para que Kendall desenrole todo o arsenal que leva consigo na bagagem.

 

  Grande rival do Bauru, Franca havia anunciado importantes renovações em meio à decisão do NBB. Depois de manter boa parte da equipe que terminou a fase de classificação no G4, foi a vez de ir às contratações. E a primeira delas foi anunciada agora à tarde.

 

Versátil, Gruber pode abrir para as bolas de três pontos ou mesmo criar espaços para Coelho e Alexey (LNB).

 

  A equipe de Helinho foi buscar o ala-pivô Gruber, que estava no Basquete Cearense. Experiente, o jogador chega para reforçar o garrafão francano, mantendo uma característica comum ao time e a realidade do esporte: a versatilidade. Aliando força interna, com mobilidade e pontaria nas bolas longas, Gruber pode ser uma arma valiosa para o time paulista.

 

 

  Por falar no Basquete Cearense, a equipe de Bial anunciou mais uma renovação, dessa vez do ala-pivô Felipe. Identificado com o Carcará, Felipe vai para o quinto NBB defendendo as cores do Cearense, e novamente fará dupla de garrafão com Léo, que também teve o contrato estendido, como falamos para vocês, ontem.

 

 Identificado com a equipe, Felipe estendeu o contrato por mais uma temporada (Stephan Eilert).

 

  A expectativa agora é em relação às investidas do time no mercado. Embora tenha uma base segura, o Carcará precisa fazer algumas contratações pontuais, em busca de um maior poder de fogo, algo que faltou em algumas partidas para a equipe, principalmente nos momentos finais dos duelos.

 

  Agora, quem já tem tudo alinhado para a próxima temporada é o Mogi das Cruzes. Depois de manter grande parte da equipe campeã Paulista e da Liga Sulamericana, Guerrinha fechou o elenco com dois jogadores de sua confiança, Carioca e Wesley Sena, que trabalharam com o comandante em sua passagem pelo Bauru.

 

Wesley Sena tenta se firmar depois de passagem apagada pelo Barcelona (Divulgação/NBA).

 

 

 

Please reload

Postagens Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags