Franca abre vantagem, controla o Pinheiros e se reabilita na competição

26/08/2018

O Franca se reabilitou da derrota para o Bauru em grande estilo. Atuando ao lado do seu torcedor, venceu o confronto direto contra o Pinheiros, por 87 a 63, em partida válida pela primeira rodada do segundo turno do Campeonato Paulista.

 

Com mais qualidade técnica e opções para rotação, Franca dominou a área pintada. Protegendo a área pintada das infiltrações dos adversários e atacando de maneira equilibrada, anotou nada mais nada menos que 52 pontos no setor.

 

Autor de vinte e cinco pontos, Lucas Dias foi o cara do jogo (Reprodução/Franca Basquete) 

 

Assim, conseguiu tirar boa parte do volume ofensivo do Pinheiros, assumindo o controle da partida desde os primeiros minutos. Apesar da melhora dos visitantes no começo do segundo tempo, mostrou tranquilidade para se restabelecer, conquistando uma vitória imponente, não apenas pelo resultado mas pelas suas implicações. 

 

Além de demonstrar força para a sequência da competição, uma vez que a torcida já começava a pressionar a comissão técnica pelos resultados em confrontos diretos, o triunfo garante ao time um saldo na tabela de classificação, pulando da quinta para a terceira colocação, levando vantagem sobre a própria equipe da capital paulista e o Mogi das Cruzes.

 

Os adversários só voltam às quadras no próximo dia 30, ganhando alguns dias de descanso e treinos antes do próximo confronto. Atuando como mandantes, Franca e Pinheiros terão pela frente o Osasco e o Mogi, respectivamente.

 

O JOGO

 

O Franca começou a partida mais organizado. Protegendo o garrafão e contando com a liderança de Elinho, que apareceu bem ofensivamente para pontuar e distribuir o volume de jogo, os donos da casa se impuseram, abrindo dez pontos de vantagem ainda nos primeiros minutos de jogo.

 

Do outro lado, os armadores do Pinheiros prendiam muito a posse de bola, facilitando o trabalho defensivo do Franca, que passou a escorar as ações em Hettsheimeir. Na área pintada, o pivô anotou quatro pontos e serviu Didi, deu números finais a um primeiro quarto amplamente dominado pela equipe local, 21 a 13.

 

No começo do segundo período os treinadores colocaram os suplentes em quadra, mas eles não corresponderam. Sem a mesma qualidade para concluir as jogadas, pouco produziram, especialmente o quinteto francano. Em duas infiltrações, Ruivo serviu Gabriel, que anotou cinco pontos, obrigando Helinho parar o jogo e voltar com os titulares.

 

Contando com força máxima, o Franca não teve dificuldades para recuperar a vantagem construída. Cada vez mais à vontade com a camiseta francana, Lucas Dias começou a desequilibrar. Dominante na área pintada, equilibrou as ações do período, fazendo com que sua equipe fosse para os vestiários vencendo por 37 a 29.

 

Resultado e atuação dá tranquilidade para Helinho trabalhar (Victor Lira/Bauru Basket) 

 

Mas os donos da casa tomaram um susto no começo da etapa complementar. Com mais velocidade na articulação, o Pinheiros conseguiu espaçar a quadra, criando espaço para os principais jogadores aparecerem. Assim, Betinho mostrou todo o repertório que tem. Com arremessos de fora, bandeja e assistências precisas, recolocou os visitantes de volta ao jogo, ao reduzir a diferença para apenas um ponto.

 

Diante do marasmo de ideias de todos os outros jogadores em quadra, Lucas Dias destoou. Trabalhando dentro do garrafão, na individualidade, mostrou muita categoria para acumular pontos na conta pessoal, tranquilizando a situação dos mandantes, que ainda contaram com a aplicação de falta técnica em cima de Betinho para recolocar a diferença na casa dos dígitos duplos, 64 a 54.

 

O Pinheiros até voltou pressionando a saída de bola francana no último quarto, mas precipitando arremessos viu o adversário liquidar a partida com muita facilidade. Apagado até então, Alexey conduziu o ataque dos donos da casa com segurança, aparecendo também na pontuação, com cinco pontos consecutivos, importantes para o time abrir dezesseis de frente.

 

Dali até o final do jogo, os rivais fizeram alguns testes na equipe, dando tempo de quadra para algumas peças que ainda precisam de entrosamento e ritmo de jogo. Com mais opções no banco de reservas, Franca ainda aumentou a vantagem, vencendo o confronto por 87 a 63.

 

Please reload

Postagens Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags

LARANJA PULSANTE

Informações e análises dos principais campeonatos estaduais, nacionais e internacionais de basquete.

Laranja Pulsante © 2019 | Todos os direitos reservados