Campeonato Paulista entra na reta final com muita disputa em aberto

14/09/2018

A primeira fase do Campeonato Paulista está chegando ao fim, mas mesmo com a proximidade do encerramento da fase regular e algumas situações já definidas, há outras completamente abertas. E para você ficar por dentro de todas as possibilidades, preparamos um resumo detalhado do que cada equipe ainda busca na competição.

 

No topo da tabela desde o início da competição (perdeu a liderança apenas uma vez, ao final da oitava rodada), o Bauru Basket depende apenas de si para ratificar a primeira colocação, garantindo, assim, a vaga antecipada às semifinais e o mando de quadra até uma eventual decisão. O Dragão, por sinal, pode garantir o passaporte para as semifinais já nesse sábado, se vencer o Pinheiros, fora de casa.

 

A conta para assegurar a liderança geral é um pouco mais cautelosa, já que o Paulistano está na cola da equipe. Para não depender de nenhum torpeço do rival, precisaria vencer os três compromissos restantes, incluindo o confronto direto contra o atual campeão paulista e brasileiro. Mas se o clube da capital tropeçar na próxima rodada e o Bauru superar o Pinheiros, a classificação viria com um triunfo simples sobre o Corinthians, no penúltimo jogo.

 

Vindo de oito vitórias consecutivas, Bauru coloca regularidade à prova nas rodadas finais (Victor Lyra/Bauru Basket)

 

Na vice-liderança do campeonato, o Paulista ainda sonha com a primeira colocação, mas sabe que não terá vida fácil. Precisando descontar uma vitória sobre o Bauru para igualar a campanha do Dragão, o time terá três confrontos complicadíssimos nas últimas rodadas, diante do Franca, do Pinheiros e do Dragão.

 

Vencer todos os duelos lhe garantem a liderança geral, mas qualquer tropeço no meio do caminho não apenas diminui a possibilidade de ultrapassar o Bauru, como também coloca a vaga antecipada nas semifinais em risco. Isso porque, Franca e Pinheiros, adversários dos dois próximos jogos vem logo atrás e levariam vantagem em caso de um eventual empate, já que o clube perdeu o Clássico dos Jardins para o arquirrival, e venceu os francanos pela vantagem mínima.

 

Por ter vencido as duas partidas diante do Pinheiros, Franca aparece em terceiro lugar, alimentando ainda a expectativa de conquistar a segunda colocação que lhe colocaria, de forma antecipada, nas semifinais. Para isso, vencer o duelo do próximo domingo, contra o Paulistano é essencial.

 

Superior nos dois jogos, Franca possui vantagem importante sobre o Pinheiros (Newton Nogueira)

 

Um revés, no entanto, pode representar uma queda na tabela de classificação, já que o Pinheiros possui a mesma campanha e o Mogi, com quem Franca fará a última partida da primeira fase, vem logo atrás, com um ponto a menos, podendo se recuperar no confronto direto. 

 

Há também a possibilidade de um tríplice empate, tanto na disputa pelo segundo lugar, quanto na briga pela terceira posição, dada a proximidade dos times na tabela de classificação. 

 

Quem tem o caminho mais complicado nessa briga por posições, ao menos na teoria, é o Mogi das Cruzes. Não pelos próximos adversários, os lanterninhas Osasco e América, mas por não depender exclusivamente de si para buscar um melhor posicionamento. Ao menos a equipe mogiana tem, nesse momento da competição, vantagem em um eventual empate com Paulistano e Franca, levando desvantagem apenas contra o Pinheiros.

 

Um pouco abaixo na tabela de classificação, aparecem Corinthians e São José, brigando ponto a ponto pela última vaga aos playoffs do estadual. Empatados com seis vitórias em quinze partidas, Timão e Águia ainda vão se encontrar na penúltima rodada, em um duelo que deve selar a classificação de uma das equipes.

 

Há a possibilidade de acontecer um empate, mas nada que diminua o peso do confronto direto, já que ele é o primeiro critério de desempate em caso de igualdade. Nesse caso, é preciso relembrar que o alvinegro venceu os joseenses por 75 a 69 no primeiro turno, obrigando o time do Vale do Paraíba a descontar o saldo de cestas, vencendo por pelo menos sete pontos.

 

Depois de decidirem a Liga Ouro, Corinthians e São José vão disputar a última vaga dos playoffs do Campeonato Paulista (Arthur Marega Filho/São José Basketball)

 

Sem qualquer chance de classificação, Liga Sorocabana, Osasco e América, vão apenas cumprir tabela nas rodadas derradeiras. Ainda assim, jogam para defender as cores e os interesses dos clubes, que diante das dificuldades financeiras dependem e muito de boas exibições, algo que lhe traria investidores, visando uma possível participação na Liga Ouro, especialmente por parte do Osasco.

 

Please reload

Postagens Recentes
Please reload

Arquivo