São José vence confronto direto contra o Corinthians e fica muito próximo da vaga nas quartas

18/09/2018

O São José está muito perto das quartas de final do Campeonato Paulista. Jogando ao lado do seu torcedor, que transformou o Ginásio Linneu de Moura em um caldeirão, a Águia venceu o confronto direto contra o Corinthians, por 94 a 85, dando passo importante para se garantir nos playoffs da competição.

 

Velhos conhecidos, São José e Corinthians fizeram um jogo bastante equilibrado, de muita entrega e bom nível técnico, contrariando a premissa de um embate mais truncado em virtude das circunstâncias da partida, decisiva para as pretensões dos clubes.

 

Com 24 pontos cada, Douglas Nunes e Márcio Dornelles foram os cestinhas da partida (Arthur Marega Filho/São José Basketball)

 

Durante os três primeiros quartos, foi possível ver muitas trocas de liderança, com os líderes de cada time assumindo a responsabilidade, cada um à sua maneira. De um lado, Douglas Nunes deitava e rolava no garrafão alvinegro, do outro Fuller tirava onda nas bolas de três pontos, mantendo o Timão vivíssimo no duelo.

 

Mas nos minutos finais só deu Águia. Depois de um começo de período equilibrado, os mandantes se impuseram e não deram a menor chance para o adversário. Atuando em parceria com Pedro, Douglas foi preciso nas infiltrações, convertendo bandejas e lances livres fundamentais para o time colocar a diferença em doze pontos.

 

Nas duas últimas voltas do ponteiro no relógio, o Corinthians tentou reduzir a diferença para menos de seis pontos, de modo que, em um eventual empate, pudesse levar vantagem no confronto direto. Mas diante da boa marcação joseense em cima de Fuller, o alvinegro não chegou nem perto do seu objetivo.

 

Além de ajuda a neutralizar o volume do Fuller, Pedro anotou pontos importantes na reta final da partida (Arthur Marega Filho/São José Basketball)

 

Com a vitória e a diferença de nove pontos no placar, São José chega a sétima vitória em dezesseis jogos e coloca dois jogos de diferença para cima do rival, já que leva vantagem no confronto direto (saldo de cestas). Sendo assim, precisa apenas de um triunfo nas duas últimas rodadas, enfrenta Franca e América fora de casa, para consumar a classificação.

 

Apesar do cenário extremamente positivo, Paulo Jaú prega seriedade para que a equipe não comemore antes da hora. O comandante da Águia ainda aproveitou para comentar sobre o triunfo dessa noite, muito comemorado pelos jogadores e pela comissão técnica.

 

"Ganhamos com a força do nosso grupo. Todo mundo entrou sabendo fazer seu papel, sabendo escolher sua bola, acho que esse foi nosso ponto forte. Mas ainda temos que fazer pelo menos um resultado positivo. Ainda não estamos classificados, tem jogo ainda."

 

O passaporte joseense pode vir até mesmo com duas derrotas, desde que o Corinthians não supere Bauru, fora de casa, e Osasco, como mandante, nos dois últimos compromissos do estadual.

 

Please reload

Postagens Recentes
Please reload

Arquivo