Corinthians vence o Paulistano e assume a liderança do Grupo B

14/08/2019

O Corinthians é o novo líder do Grupo B do Campeonato Paulista. Em sua terceira partida consecutiva como mandante, o clube do Parque São Jorge venceu o confronto direto contra o Paulistano, por 95 a 88, e ultrapassou o rival na tabela de classificação. Os adversários possuem a mesma campanha mas o Timão leva a melhor nos critérios de desempate.

 

O duelo, como esperado, foi de altíssimo nível técnico e contrapôs duas propostas de jogo completamente diferentes. Ainda que as duas equipes tenham pivôs móveis, com características parecidas no que diz respeito a qualidade para  espaçar a quadra, os técnicos os utilizaram de maneira completamente distintas.

 

E nesse duelo de xadrez, melhor para os alvinegros. Desde os primeiros minutos, o time da casa pressionou a saída de bola do adversário na tentativa de induzir os jogadores mais jovens do rival ao erro. Sem a mesma experiência dos titulares, que estão com a seleção brasileira, os garotos do CAP cometeram muitos erros de passe no início da partida.

 

Com uma equipe muito atlética, o Timão transformou as roubadas de bola em saídas rápidas para o ataque. Em superioridade numérica, os mandantes não tiveram dificuldade ou egoísmo para trocar passes e encontrar um companheiros melhor posicionado, emplacando inúmeros arremessos certeiros do perímetro.

 

Na medida em que os atletas mais jovens dos visitantes se ambientaram à partida, o cenário da partida mudou de figura. Visivelmente mais a vontade dentro de quadra, Jonatan levou ampla vantagem no confronto pessoal contra Ricardo Fischer, fugindo da marcação do armador adversário para romper a defesa corinthiana com infiltrações e passes precisos.

 

Os mais beneficiados pela visão de jogo apurada do camisa 50, foram os jogadores mais experientes do Paulistano, em especial o ala-armador Coleman e pivô Hubner. Em uma sequência de arremessos longos do norte-americano e de bolas de segurança do MVP do NBB 10, os visitantes abriram treze pontos de vantagem.

 

Mesmo com o final do confronto se aproximando e a larga desvantagem no marcador, o Corinthians não se abateu. Depois de diversas trocas na formação da equipe, Ricardo da SIlva, que substitui Bruno Savignani, acertou o posicionamento defensivo, neutralizando a movimentação ofensiva do rival.

 

Seguro na defesa e agressivo no ataque, Nesbitt foi um dos principais jogadores do Timão na partida (Beto Miller)

 

Na frente, o time da casa teve agressividade em direção à cesta, pendurando os principais jogadores adversários em faltas. No pouco tempo que eles ficaram fora de quadra, sendo poupados por Régis Marrelli, o Timão converteu sete arremessos praticamente consecutivos de três pontos, retomando o controle das ações.

 

Ao final da partida, em entrevista para a Federação Paulista de Basquete, o armador Ricardo Fischer enalteceu a postura da equipe, que em nenhum momento abriu abdicou da partida, para conquistar o triunfo e assumir a liderança do Grupo B. 

 

"Estava valendo o primeiro lugar do grupo e sabemos o quanto vale isso, não só a liderança, como também o mando de quadra. Tínhamos de impor nosso ritmo de jogo porque é um time duro. Estamos de parabéns porque ficamos treze pontos atrás e tivemos paciência e nos minutos finais viramos o jogo."

 

Na próxima rodada, os dois times pegam estrada. De olho na manutenção da liderança, o Corinthians vai até o interior paulista encarar o Rio Claro, na próxima sexta-feira, às 20:00. No domingo, é a vez do Paulistano entrar em quadra para medir forças com o Bauru Basket, às 18:00.

 

Please reload

Postagens Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags

LARANJA PULSANTE

Informações e análises dos principais campeonatos estaduais, nacionais e internacionais de basquete.

Laranja Pulsante © 2019 | Todos os direitos reservados