Rio Claro desbanca o Paulistano e se reabilita do NBB

04/12/2019

O Rio Claro fez as pazes com a vitória no Novo Basquete Brasil. Nessa terça-feira, o Leão não se intimidou com o fato de atuar no Ginásio Antônio Prado Jr e derrotou a equipe do Paulistano, 90 a 87, se reabilitando da derrota sofrida para o Bauru Basket na última rodada da competição.

 

O grande trunfo dos visitantes foi a postura apresentada desde os primeiros minutos da partida. Disposto a escrever uma nova história na competição, o time do interior paulista imprimiu uma defesa agressiva, contendo o volume dos principais pontuadores do adversário e brigando por cada posse de bola na quadra de defesa.

 

A agressividade defensiva permitiu que o clube pudesse sair em velocidade, explorando a visão apurada de jogo do armador Fabian Sahdi. Com um repertório ofensivo variado, o argentino desestruturou a defesa alvirrubra, deixando os seus companheiros em ótimas condições de pontuar.

 

Sahdi anotou 13 pontos e distribuiu 15 assistências (Reprodução/LNB)

 

Dentre os atletas que mais se aproveitaram do controle de bola e da velocidade de raciocínio do gringo, Gerson e Ansaloni foram os mais acionados. Com a mão certeira nos arremessos de média e longa distância, a dupla de pivôs levou ampla vantagem sobre os seus marcadores, dominando o garrafão.

 

Além deles, Baxley apareceu como elemento surpresa para desafogar o ataque rio-clarense em situações que as jogadas coletivas não funcionavam como o planejado. Apesar do desempenho consistente dos titulares da equipe visitante, o confronto foi extremamente equilibrado.

 

Embora o jogo coletivo não tenha funcionado tão bem quando o do Rio Claro, o Paulistano contou com o brilho individual de alguns atletas para se manter vivo na partida. Além de Solano, que vem fazendo uma temporada excepcional, Kevin Foster teve uma atuação consistente, se destacando, principalmente, pelas bolas de três pontos.

 

O desempenho da dupla impulsionou o rendimento de outros jogadores, como Vitão e Eddy. Com um volume de jogo ligeiramente maior na etapa complementar, os donos da casa se alternaram diversas vezes na liderança do marcador com o oponente.

 

No entanto, os pupilos de Régis Marrelli não tiveram tranquilidade para sacramentar a vitória através de dois contragolpes em que teve superioridade numérica. Após os desperdícios, o Rio Claro recuperou a confiança e consumou o triunfo através dos lances livres certeiros de Sahdi.

 

Com a vitória conquistada fora de casa, o Leão ganhou duas posições na tabela de classificação, retornando ao décimo primeiro lugar, dentro da zona de classificação para os playoffs da competição.

 

Já o Paulistano desperdiçou a oportunidade de encostar no G4 da competição, permanecendo na quinta colocação, atrás do Mogi das Cruzes e do São Paulo.

 

Please reload

Postagens Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags