Quimsa domina o Mogi e fica próximo das semifinais da Champions League

O Mogi das Cruzes bem que tentou mas não foi páreo para o Quimsa. Nessa quarta-feira, a equipe brasileira foi derrotada pelos argentinos, dentro de casa, por 90 a 84, no primeiro confronto da série melhor de três partidas das semifinais da Champions League das Américas.


A diferença no placar não traduz o que aconteceu no duelo. Desde os primeiros minutos de partida os visitantes aplicaram um forte sistema defensivo, induzindo o time mogiano a tomar decisões equivocadas no ataque, de modo que diminuísse o volume ofensivo da Jaguatirica e permitisse aos portenhos sairem no contragolpe.


Com muita consciência tática, os jogadores do La Fusión espaçaram a quadra, possibilitando que Brussino pudesse organizar o ataque da equipe, extraindo o melhor de cada companheiro, em uma atuação coletiva extremamente envolvente, capaz, de desestruturar uma defesa que vinha se destacando na temporada.


A visão apurada do armador e a solidariedade dos demais jogadores na hora da articulação das jogadas, fez que o time argentino atingisse números impactantes na primeira etapa. Com 19 assistências e 67% dos arremessos de quadra, sendo 13 arremessos de dois pontos e 08 bolas de três pontos, o Quimsa abriu vinte e dois pontos de vantagem.


Desempenho mogiano no primeiro tempo deixou a desejar (Antonio Penedo)

A vantagem construída na etapa inicial mexeu com os ânimos das equipes na etapa complementar, especialmente os donos da casa. Sem outra alternativa, o Mogi das Cruzes tratou de pressionar a saída de bola do oponente, conseguindo recuperar posses de bola e pegar a defesa argentina desprotegida.


Até então único atleta consistente do time na partida, Danilo Fuzaro ganhou a companhia de André Góes e Paranhos na distribuição do volume de jogo. O crescimento de produção dos seus companheiros permitiu que a Jaguatirica reduzisse a diferença para apenas seis pontos, reequilibrando as ações e incendiando o ginásio.


No entanto, o time argentino teve frieza e maturidade suficiente para conter a reação dos mandantes e sacramentar a vitória, dando um passo importante para garantir à classificação às semifinais da competição, uma vez terá, se necessário, mais dois jogos dentro de casa para confirmar a classificação.

Postagens Recentes
Arquivo
Procurar por tags

LARANJA PULSANTE

Informações e análises dos principais campeonatos estaduais, nacionais e internacionais de basquete.

Laranja Pulsante © 2019 | Todos os direitos reservados