Rio Claro passa por cima do Pato e entra na briga pelo G8 do NBB

05/03/2020

O Rio Claro deu sequência ao bom momento vivenciado nessa temporada. Se beneficiando do fato de atuar mais uma vez no Ginásio Felipe Karam, o Leão dominou completamente o Pato Basquete, derrotando a equipe paranaense com extrema facilidade, pelo placar de 77 a 57.

 

O triunfo rio-clarense foi construído através da postura irretocável da defesa. Exercendo forte pressão em cima de Gegê, os donos da casa conseguiram neutralizar a movimentação ofensiva do rival, diminuindo drasticamente o volume de jogo do oponente, que em pouquíssimas ocasiões conseguiu arremessar de maneira equilibrada.

 

Além de tirar o adversário de sua zona de conforto, os mandantes também garantiram a soberania na briga pelos rebotes defensivos, aspecto que possibilitou ao clube poder atuar na transição, dentro do plano de jogo estipulado pelo técnico Fernando Penna.

 

Com superioridade numérica, o Rio Claro espaçou a quadra e movimentou a bola com velocidade até encontrar um companheiro melhor posicionado, em jogadas que passavam pelas mãos de Figueroa e Enzo Ruiz e terminavam em bolas de segurança convertidas pelos pivôs da equipe.

 

Com entrosamento afiado e qualidade técnica, Pastor, Gerson e Ansaloni levaram ampla vantagem sobre Coimbra, que sozinho, não pode evitar ou minimizar o impacto que a trinca teve, seja através das bandejas, como também em arremessos do perímetro, arma que tem sido bastante utilizada pelos homens mais altos recentemente.

 

Juntos, os atletas anotaram 50 pontos, praticamente a mesma quantidade do que todo o rival (Marfim Photo Sports)

 

O triunfo conquistado diante do seu torcedor devolve ao Leão a esperança de brigar pelo mando de quadra nas oitavas de final da competição. Depois de um primeiro turno discreto, o time cresceu de rendimento e encostou de vez no pelotão intermediário, deixando para trás o Paulistano e o Corinthians, e assumindo a décima colocação.

 

Já o Pato Basquete viu a sua sequência de vitórias ser interrompida. Após dois triunfos consecutivos, que lhe tiraram da lanterna da competição, o time paranaense sucumbiu diante do clube rio-clarense e amargou a sua décima nona derrota no torneio, dando adeus matematicamente às chances de se classificar para os playoffs da competição.

 

Please reload

Postagens Recentes
Please reload

Arquivo