Vai e vem: Brasília

24/06/2020

Depois de conviver com incertezas no decorrer dos últimos anos, o Brasília deverá ter a continuidade do projeto confirmada nos próximos dias. Situado em um centro econômico e político importante do país, o time candango conta com o apoio do BRB.

 

Embora o acordo costurado com o time brasiliense no início da última temporada ter gerado certa polêmica pelo fato de ser financeiramente inferior ao pacto firmado com a equipe do Flamengo, o patrocínio do Banco de Brasília é fundamental para a manutenção do time profissional de basquete da cidade.

 

Satisfeito com a visibilidade que tem alcançado e confiante em resultados mais expressivos no próximo ano, o banco brasiliense deverá renovar o contrato por mais uma temporada. Com a confirmação da permanência do seu patrocinador máster, o time da Capital Federal poderá iniciar a montagem do elenco.

 

Ídolo da torcida candanga, Nezinho é tido como peça fundamental na montagem do elenco (Victor Lyra/Bauru Basket)

 

Apesar de terminar sua participação na última temporada apenas na décima terceira colocação, a diretoria avalia que o grupo possui bons jogadores e que os resultados adversos foram decorrentes do surto de lesões que atingiu a equipe.

 

Por conta disso, acredita que a manutenção da base do time, aliada a execução de uma pré-temporada intensa, poderá ser o diferencial no próximo campeonato.

 

Confirmados: 

 

Podem chegar/permanecer: Nezinho (Armador), Pedrinho Rava (Armador), Gabriel (Armador), Gui Santos (Ala-armador), Arthur (Ala), Gui Bento (Ala), Ronald (Pivô), Fiorotto (Pivô) e André Germano (Técnico).

 

Podem sair: Pedro Mendonça (Ala-armador), José Carlos (Pivô) e Marcelão (Pivô).

 

Não permanecem: 

 

Please reload

Postagens Recentes
Please reload

Arquivo