Franca e Paulistano surpreendem e avançam à final do Paulista

08/11/2020

O sábado foi marcado por muitas surpresas no basquete. Pelas semifinais do Campeonato Paulista de Basquete, o Franca e o Paulistano desbancaram o São Paulo e o Bauru Basket, garantindo a classificação para a decisão do campeonato com muita propriedade.

Na primeira partida, o Franca contou com o belo trabalho do departamento médico para recuperar o condicionamento físico de André Góes e Lucas Dias, atletas que vinham sofrendo com a sequência de jogos na segunda fase do torneio.

Com todos os jogadores à disposição, o time da Capital do Basquete imprimiu uma defesa muita agressiva sobre Georginho e conseguiu preencher os espaços no garrafão, contendo, dentro do possível, o volume de jogo de Lucas Mariano, que em partidas anteriores havia sido o principal expoente ofensivo do time tricolor.

A solidez defensiva elevou a confiança da equipe dentro de quadra e possibilitou que o time tivesse tranquilidade para organizar as jogadas de ataque. Conscientes, Elinho Corazza e André Góes souberam o momento exato de servir os seus companheiros, sendo responsáveis por treze assistências do clube francano.

 

Quando precisou, Fuzaro chamou a responsabilidade, matando bolas importantes (Reprodução/FPB) 


A disciplina tática e o trabalho coletivo fez com que a equipe do interior chegasse a abrir vinte e quatro pontos de vantagem, diferença que se tornou fundamental na reta final de partida, quando o São Paulo cresceu de rendimento e buscou uma reação. No entanto, o Franca teve maturidade para converter os lances livres e sacramentar a vitória, 100 a 92.

No segundo confronto do dia, o Paulistano apresentou as mesmas virtudes do time francano. Bem distribuído dentro de quadra, os donos da casa trabalharam a posse de bola de maneira eficiente no ataque, assumindo as rédeas da partida após um monólogo do ala-pivô Vitão no primeiro quarto.

Após pedido de tempo técnico solicitado por Léo Figueiró, Bauru mudou a sua postura defensiva e conseguiu encaixar alguns contragolpes, explorando a velocidade dos seus alas. Porém, a reação bauruense não durou muito tempo, já que os atletas não tiveram a concentração necessária para uma partida eliminatória.

Completamente disperso dentro de quadra, os visitantes individualizaram muitos ataques, precipitando arremessos da linha dos três pontos, quando ainda tinha tempo no relógio. Em contrapartida, o Tigre seguiu movimentando a posse de bola com velocidade para explorar os espaços deixado pelo Dragão no perímetro.

 

Vitão defendeu bem e ainda computou 27 pontos, se tornando o homem da partida (Victor Lira/Bauru Basket) 

Sem qualquer tipo de contestação, Cauê Borges, Jimmy e Vitão emplacaram oito bolas de três pontos para os donos da casa, que, período após período, foi ampliando a sua vantagem no marcador e garantindo a vitória com tranquilidade, 84 a 70.

Na terça-feira, Paulistano e Franca medem forças na briga pelo título do Campeonato Paulista de Basquete. Já o time do São Paulo e do Bauru Basket focam as suas atenções na disputa do Novo Basquete Brasil, que inicia no mesmo dia.

Please reload

Postagens Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags

LARANJA PULSANTE

Informações e análises dos principais campeonatos estaduais, nacionais e internacionais de basquete.

Laranja Pulsante © 2019 | Todos os direitos reservados